Dunamis Vinhos | Notícias
32

Com vinhos descontraídos, Dunamis traz novo estímulo à cultura do vinho

Vinhos descomplicados, que podem ser apreciados a qualquer momento. Esta é a proposta da Dunamis, jovem vinícola de Dom Pedrito, Rio Grande do Sul, que nasceu em novembro de 2010 com o objetivo de oferecer o prazer da descoberta a novos consumidores brasileiros, estimulando a cultura do vinho.

Uma equipe de especialistas, entre eles os enólogos Thiago Peterle, 24 anos, e Vinícius Bortolini Cercato, 25 anos, elaboram vinhos e espumantes de tipicidade, vindos de vinhedos localizados nas regiões da Campanha Gaúcha, Serra Gaúcha e Campos de Cima da Serra.

Pioneira no desenvolvimento do primeiro Merlot Branco do Brasil, a Dunamis também produz os varietais Cabernet Franc, Pinot Grigio, Merlot Tinto e os recém-lançados Sauvignon Blanc e Pinot Noir, todos da linha Movimento.

Completam o portfólio da vinícola os vinhos da linha Elementos: Cor (tinto), Ser (branco) e Tom (rosé), e os espumantes Dunamis Ar nas versões Brut e Moscatel.

"Nossos rótulos refletem a proposta da marca em oferecer vinhos criados para um público de espírito jovem e descontraído", explica Celso Gromowski, gerente geral da Dunamis.

Medalhas

Em quase três anos de atividade os vinhos Dunamis já conquistaram importantes prêmios. Recentemente, o Ar Moscatel recebeu a Grande Medalha de Ouro na 10ª edição do Concurso Mundial de Bruxelas Brasil. Na ocasião, o Dunamis Tannat 2012 obteve Medalha de Prata e confirmou seu grande potencial, já que está previsto para ser lançado apenas em abril de 2014.

Esse ano, os espumantes e vinhos Dunamis também foram premiados em duas competições internacionais de muito prestígio em Londres: o Decanter World Wine Awards e o International Wine Challenge.

No Decanter World Wine Awards, promovido pela reconhecida revista inglesa Decanter, entre os quase 14.000 vinhos do mundo todo, foram premiados o Dunamis Cabernet Franc, com uma Medalha de Prata, e o Dunamis Ar Brut, com uma Medalha de Bronze.

No International Wine Challenge, uma das provas mais criteriosas do mundo do vinho, o Ar Brut voltou a ser destaque e trouxe para o Brasil menção honrosa, mesma premiação conferida ao Ar Moscatel.


  • Compartilhe